terça-feira, 2 de julho de 2013

The Future Capítulo 1 - O telefonema


Acordei  com uma certa disposição hoje e não sei nem por que , abri as cortinas e o sol invadiu o meu quarto mais radiante do que nunca , coloquei uma musica alta e comecei a me arrumar para a escola enquanto dançava e cantava feito uma louca pelo quarto talvez seja por isso que eu estou tão alegre o primeiro dia de aula sempre é o mais agitado , é o dia rever seus amigos , fazer novos amigos e conhecer os professores não que eu me importe muito  , Tomei um banho e quando já estava penteando o cabelo minha mãe aparece na porta
Mãe : vejo que hoje a senhorita acordou mais cedo ? –sorri-
Eu : Primeiro dia de aula mãe !
Mãe : Bom de qualquer forma ande logo o café esta na mesa a sua espera
Eu : Diz que fez panquecas -fiz uma cara de cachorrinho que caiu da mudança 
Mãe : Não sei – e ela fechou a porta e desceu novamente pelo rosto suspeito ela havia feito as panquecas –
Eu adorava as panquecas da minha mãe ainda mais quando ela fazia com calda de chocolate , minha mãe sempre foi muito atenciosa comigo mesmo depois do papai ter morrido ela tenta continuar sendo a mesma mas me parece que anda acontecendo algo que esta deixando ela muito estranha mas não de um jeito ruim mas bom , ela anda meio alegre demais .
Desci as escadas e a mesa já estava toda pronta mas minha mãe não estava lá , sempre quando eu descia ela já estava sentada a mesa com seus óculos redondos , seu jornal e seu pão semi aberto com o pote de manteiga ao lado  mas hoje isso não aconteceu ela estava na sala ao telefone , me escondi e fui escutar a conversa dela com esse alguém tão importante , minha mãe sempre diz que NADA  pode atrapalhar a refeição mais importante do dia e de uma hora pra outra ela muda completamente ? tem algo muito estranho nisso
Mãe : não claro que eu vou contar pra ela .. sim .. acho que ela já esta desconfiando .. claro eu adoraria .. a noite então ? .. ok , beijos .. te amo
Sai correndo e subi novamente as escadas tentando fazer silencio ajeitei meu cabelo e desci novamente dessa vez ela já estava sentada mas parecia estar pensando em algo
Eu : oi de novo mãe
Mãe : oi filha
Eu : Aconteceu alguma coisa ?
Mãe : Não nada .. por que ?
Eu : Nada –sorri- e então onde esta as minhas panquecas ?
Mãe : Aqui –sorri-
Ficamos um tempo conversando e nada dela dizer algo suspeito , eu sabia que uma hora ela iria me contar mas não sabia ao certo quando , minha mãe nunca foi de me esconder nada sempre contávamos os nossos segredos uma pra outra então não vai ser agora que ela vai mudar certo ? . Acabei as minhas panquecas , me levantei e continuava um silencio 
Eu : Bom mãe eu já vou indo
Mãe : ok filha bom primeiro dia de aula
Dei um abraço nela e fui para o ponto de ônibus , ter 16 anos não é tão fácil quanto parece ainda mais tendo uma mãe como a minha que só vai deixar eu pegar no volante aos 17 mas como falta só alguns dias estou tentando achar o lado bom de ter 16 anos mesmo tendo de pegar ônibus escolar com todos os alunos patetas da escola . Sorte que tem a Maddie ela tem 14 anos mais mesmo assim aposto ser bem mais inteligente e cabeça dura do que qualquer outro naquele ônibus se duvidar até mais do que o pobre motorista que mesmo tentando ser simpática ele nunca diz um bom dia . Subi no ônibus e vi Maddie no mesmo lugar de sempre ela sorriu pra mim e apontou um lugar ao lado dela
Eu : Oi maddie
Ma : Oi Lola e então .. esta ansiosa ?
Eu : Com certeza –sorri-
Ma : Eu nem tanto .. saber que vou ter de aguentar os idiotas da minha sala já me entristece será que eles ainda não perceberam que estão indo para o nono ano ?
Eu : -ri-
Ma : Tá .. mas e você ? novidades ?
Eu : Não .. quer dizer .. Sim , eu acho que minha mãe anda me escondendo algo .  Hoje de manhã eu desci e ela estava ao telefone conversando com alguém e falou algo como ''sim eu vou contar a ela..''
Ma : A ultima vez que minha mãe me escondeu uma coisa foi quando ela viajou pra Cancún e me largou na casa dos patetas dos meus primos
A mãe da Maddie é meio maluquinha uma vez Maddie me disse que sua mãe a colocou em um Pet shop pensando que era uma creste , mas mesmo ela sendo maluca ela é bem divertida , ela é do tipo que não gosta de microondas , video game e sim da natureza já Maddie é um pouco ao contrario da Mãe , o pai dela também é muito divertido mas não é muito presente na vida dela ele trabalha no exercito e precisa sempre viajar mas isso não vem ao caso . 
Quando chegou na escola eu dei adeus a Maddie pois o prédio dela é diferente do meu e assim fui entrando na escola , eu estudo nesse colégio desde que me conheço por gente , ao longe vi duas doidas gritando e vindo na minha direção sim são as minhas amigas a loira é a Rachel ela parece uma boneca e a morena é a Carol 
Carol : Iai linda !
Eu : OI carol oi Rachel 
Rachel : Nossa eu tava morrendo de saudades de vocês 
Eu : Awn eu também amiga -nos abracamos- Iai como foi as ferias de vocês ?
Rachel : Eu fui pra Paris com a minha avó -ela fez uma cara estranha que fez agente rir-
Carol : Pior eu que tive que ir para um acampamento de escoteiros juniores com minha prima - ela falou - e Você Lol ?
Eu : Fiquei em casa mesmo -falei dando de ombros-
Carol : Então .. Vamos pegar nossos horários ? 
Eu : Claro -sorri-
Fomos pegar os horários e por sorte ficamos em algumas aulas juntas , meu horário era basicamente 
Historia 
Teatro / Música
Inglês
Quimica
-intervalo-
Biologia
Matematica
Sociologia
Ed. fisica 
Extra : Atividade extracurriculares 
A primeira aula foi mais do que tranquila até por que eu , carol e rachel estávamos na mesma sala e a professora yolanda era um amor de pessoa , na aula de música eu não estava na mesma sala que as meninas mas fiz amizade com uma garota muito fofa que trabalha na radio da escola ela tinha o cabelo ruivo lindo e tinha um sorriso de uma boneca o nome dela era Marie , a aula de inglês também passou rápido mas o mais engraçado foi ver a cara da Carol ao ver o novo professor de inglês parecia que ela estava assustada na verdade não só ela como ele também foi como se eles se conhecessem . Na aula de química minha parceira era meio estranha ela nunca falava nada mas oque mais me assustou foi os cortes nos seus pulsos não vou mentir que já fiz isso mas foi pra nunca mais , disseram a mim que a dor amenizava os problemas e o pior foi que realmente amenizou só que pra pior , eu fui parar em um hospital por ter feito um corte muito profundo e tive que receber doação de sangue algo que eu nunca pensei que precisaria . 
Finalmente o sinal tocou e fomos para o patio para o horário de intervalo . Já estava na fila da comida quando chega Carol e Rachel 
Rachel : Oque teremos pra hoje ? -ela perguntou pegando a bandeja e olhando para as duas únicas opções de comida a nossa frente-
Eu : bolo de carne ou hambúrguer 
Carol : Esse colégio só pode querer me matar 
Eu : Do que é feito esse bolo de carne afinal ?
Rachel : Quem sabe ?
Carol : disseram que uma das cozinheiras estava cortando a carne para fazer o bolo de carne e cortou seu dedo ele caiu ai dentro e desde então ninguém come mais esse treco -ela fez uma cara de nojo-
Eu : Fala serio .. isso é verdade ?
Rachel : Não acho que seja essa dai só sabe escutar fofoca
Carol : Eu ?!
** : ei mocinha oque vai querer ?
Eu : Bom pra não arriscar -disse olhando para as meninas e agora pra cozinheira- quero hambúrguer - e ela pegou um prato e colocou o hambúrguer com os potinhos de molho ao lado -
Fiquei esperando as meninas pedirem para irmos pegar uma mesa acho que essa parte é a pior de todas ainda mais quando você esta sozinha , você olha pra todas aquelas panelinhas formadas e não sabe aonde sentar . Achamos uma mesa vaga e nos sentamos
Carol : E então como foi as primeiras aulas de vocês ?
Eu : Pra mim normal
Rachel : é pra mim também
Carol : pra variar meu parceiro de química é um idiota
Eu : A minha também é meio .. estranha
Rachel : tá .. mas vocês viram o novo professor de inglês ?
Eu : vi sim
Carol : ..
Rachel : Ele é lindo não é ?
 Eu : é até que sim .. não é mesmo carol ?
Carol : ...
Rachel e eu : CAROL !
carol : oi oi 
Eu : eu vi como você olhou para o novo professor de inglês oque aconteceu ?
Carol : Nada
Rachel : a fala a verdade
Carol : é que .. já era ultimo dia de ferias e eu resolvi ir naquela cafeteria que eu adoro e eu encontrei ele , nós conversamos e ..
Rachel : NÃO ACREDITO !
Eu : você pegou o professor ? - nós rimos -
Carol : foi só um beijo nada demais 
Rachel : pelo menos ele é gatinho 
Carol : É - ela disse como se estivesse relembrando o momento oque fez Todas nós rirmos alto-
O sinal tocou e nós tivemos que ir pra sala novamente minha parceira de biologia foi a Marie
Eu : então .. você pensa em fazer alguma tarefa extracurricular ?
Marie : A radio já é o suficiente pra mim e você ?
Eu : não sei .. acho que nada
Marie : Você tem cara de que se daria bem com as abelhas
Eu : não .. eu não levo jeito pra líder de torcida
professor : por favor senhoritas parem de conversar
Depois da aula de biologia teve a de matemática , sociologia e agora educação física  eu não sou muito boa com esportes então pode ter certeza que a aula de ed. física é a pior de todas pra mim sorte que a carol e a rachel são o mesmo horário que eu , nós tivemos que correr 20 voltas pelo patio e depois teve jogo de vólei e por sorte a professora acreditou na minha dor de cabeça repentina , como eu não ia fazer atividade extra eu pude ir pra casa cedo já a rachel quis ficar para entrar para o grupo de moda e a Carol para as lideres de torcida ou como são chamadas popularmente .. as abelhas . 
Quando cheguei em casa tomei um banho e quando desci minha mãe já estava em casa , ela estava preparando o almoço e pelo cheiro de orégano teríamos lasanha 
Eu : oi mãe
MÃE : OI filha 
Ela colocou o almoço na mesa e nós começamos a comer 
Mãe : Então como foi o primeiro dia ?
Eu : Foi bom -sorri- e o seu ?
Mãe : Cansativo - ela falou sorrino - Lola tenho uma coisa pra falar com você 
Era agora , oque será que ela iria contar ? será que é tão ruim ? um calafrio subiu por todo o meu corpo .
Eu : claro mãe pode falar
MÃe : eu tenho saído com um rapaz
Eu : quem ? eu conheço ? -falei assustada-
MÃe : não .. o nome dele é Mark e nós estamos namorando a um certo tempo
Eu : namorando ? e você esta levando isso a serio ? quer dizer ... por que não me contou ?
Mãe : Pensei que não seria algo serio , por isso não te contei
Eu : Algo serio ? esta pensando em ..
Mãe : Não lola , pelo menos ainda não
Eu : Ainda não -repeti suas palavras suspirando-
Mãe : sim .. inclusive nós decidimos e ele vem morar aqui 
Eu : ...
Continua ...........

0 comentários:

Postar um comentário